Covid-19
Endereço Rua 7 de Setembro, 499 - Centro - Paiçandu - Paraná - Centro
Telefone 44 | 3125-1100
Acessibilidade Cadeira

Instituto Alex Santos visita a prefeitura de Paiçandu

Sexta-feira, 07 de abril de 2017

Última Modificação: 07/04/2017 15:35:41 | Visualizada 1555 vezes


Ouvir matéria

Na tarde de ontem (06) o ex-jogador Alex Santos e o diretor Douglas Mattos, estivera no gabinete da prefeitura para apresentar os projetos desenvolvidos. Na ocasião estavam o prefeito Tarcisio Marques dos Reis, o secretário de esportes e lazer Renato Mariotto e o vereador Carlos Fenille.

                                            

UM POUCO DA HISTÓRIA DO MARINGAENSE ALEX SANTOS

O brasileiro naturalizado japonês Alessandro dos Santos (mundialmente conhecido como Alex Santos) é o jogador estrangeiro com o maior número de jogos com a camisa da Seleção Japonesa, incluindo duas participações em Copas do Mundo, a de 2002 e 2006. Teve o privilégio de atuar em equipes comandadas por grandes ídolos do futebol mundial, entre eles o brasileiro Zico, os alemães Lothar Mathäus e Beckembauer, o italiano Giovanni Trapattoni e o francês Philippe Troussier. Alex teve passagens destacadas em clubes japoneses como Shimizu (conquistou o título de melhor atleta da J. League, o Campeonato Japonês de futebol, e no ano seguinte - em 2000 - foi apontado como o melhor jogador do continente asiático), Urawa e Nagoya (campeão da J. League); além de uma temporada muito boa pelo Red Bull Salzburg da Austria em 2007. Após uma trajetória internacional de muitas conquistas ao longo de 21 anos (campeão pelo Shimizu, Urawa, Nagoya e Red Bull. E mais títulos como 3 vezes a Copas do Japão e 5 vezes a Copa do Imperador), atuou nos dois times (Maringá FC e Grêmio Maringá) da cidade onde nasceu e encerrou sua carreira no ano passado (2016) atuando no Campeonato Paranaense pelo PSTC de Cornélio Procópio, onde contribuiu com uma equipe de pequeno porte a figurar entre as 4 melhores de todo o Estado, a única do interior juntamente com os três gigantes da capital.

Fonte: assessoria de impresa e insituto alex santos

 Veja Também