Covid-19
Endereço Rua 7 de Setembro, 499 - Centro - Paiçandu - Paraná - Centro
Telefone 44 | 3125-1100
Acessibilidade Cadeira

Entenda como funciona o Serviço no Domicílio para pessoas com Deficiência e Idosa de Paiçandu

Segunda-feira, 24 de junho de 2019

Última Modificação: 24/06/2019 16:24:11 | Visualizada 735 vezes


Ouvir matéria

A fim de dar continuidade nas ações de sensibilização da Campanha Municipal de Enfretamento a Violência contra a Pessoa Idosa de Paiçandu, o 15 de junho, conheça o Serviço de Proteção Social Básica e Especial no Domicílio para pessoas com Deficiência e Idosa (SPDI) de Paicandu. 
O Serviço no Domicílio teve início de suas atividades e ações no mês de março do ano de 2018, sob a coordenação do psicólogo Josemar Matos, tem como objetivo agir com um conjunto de ações para prevenir agravos que possam provocar o rompimento de vínculos familiares e sociais dos atendidos. Visa garantir os direitos e o desenvolvimento da autonomia das pessoas com deficiência e/ou idosas, a partir de suas necessidades e potencialidades individuais e sociais, como, prevenindo situações de risco, a exclusão e o isolamento, conforme indicado na Tipificação Nacional dos Serviços Socioassistenciais de 2014.
Para compreender com mais profundidade a finalidade do Serviço, é importante apresentar algumas categorias mencionadas pela Tipificação para compreensão da realidade e na direção do conjunto de ações e atividades a serem desenvolvidas:
•    Prevenir agravos que possam desencadear rompimento de vínculos familiares e sociais; 
•    Prevenir confinamento de idosos e/ou pessoas com deficiência;
•    Identificar situações de dependência; 
•    Colaborar com redes inclusivas no território; 
•    Prevenir o abrigamento institucional de pessoas com deficiência e/ou pessoas idosas com vistas a promover a sua inclusão social; 
•    Sensibilizar grupos comunitários sobre direitos e necessidades de inclusão de pessoas com deficiência e pessoas idosas buscando a desconstrução de mitos e preconceitos; 
•    Desenvolver estratégias para estimular e potencializar recursos das pessoas com deficiência e pessoas idosas, de suas famílias e da comunidade no processo de habilitação, reabilitação e inclusão social;
•    Oferecer possibilidades de desenvolvimento de habilidades e potencialidades, a defesa de direitos e o estímulo a participação cidadã;
•    Incluir usuários e familiares no sistema de proteção social e serviços públicos, conforme necessidades, inclusive pela indicação de acesso a benefícios e programas de transferência de renda;
•    Contribuir para resgatar e preservar a integridade e a melhoria de qualidade de vida dos usuários; 
•    Contribuir para a construção de contextos inclusivos.

O Público Alvo: para o acompanhamento 
•    Pessoas com deficiência (independentemente da idade); 
•    Pessoas idosas (60 anos ou mais). 

•    Prioritariamente: 
•    Beneficiários do Benefício de Prestação Continuada – BPC;
•    Membros de famílias beneficiárias de programas de transferência de renda;  
•    Egressos dos serviços da Proteção Social Especial – PSE;  
•    Membros de família em Extrema Pobreza.
O Procedimento 
O serviço no Domicílio pretende proceder com seguinte dinâmica de trabalho, tendo como base a situação do individual e familiar em constante avaliação técnica:
•    Periodicidade das ações - Conforme sistematizado e planejado pela equipe técnica no PDU, podendo ser semanal, quinzenal ou mensal;
•    Tempo de intervenção no domicílio - O tempo da intervenção da equipe no domicílio deve ser de no mínimo 1 hora;
•    Tempo de permanência do usuário no serviço - O tempo de permanência do usuário no serviço deve ser de no mínimo 03 (três) meses e no máximo 12 (doze) meses, ou conforme avaliação da equipe técnica social.
Ressaltando que o Serviço no Domicílio de Paiçandu atende as duas Proteções Sociais: Básica e Especial. Para esse serviço, foi pensado a proporcionar o acompanhamento nas duas Proteções Sociais devido à demanda reprimida da Proteção Básica, referenciada pelo Centro de Referência de Assistência Social – CRAS. E também, a demanda de atendimentos realizados pela Proteção Especial, referenciada pelo Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS.
Para maiores informações entrar em contato:
Telefone: (44) 3244-7618
E-mail: spdi@paicandu.pr.gov.br

Fonte: Secretaria Municipal de Assistência Social

 Galeria de Fotos

 Veja Também